domingo, 19 de outubro de 2014

MENSAGEM 14: A ESSÊNCIA DA VIDA CRISTÃ

A ESSÊNCIA DA VIDA CRISTÃ

Texto Base: Jo 13.15 – “Porque eu vos dei o exemplo, para que, como eu vos fiz, façais vós também”.


TESE:
- O tema desta festa é “a essência da vida cristã”; vamos refletir sobre isto, com base no texto escolhido por vocês.
- Qual é a essência da vida cristã?
- Parece uma questão simples, de fácil resposta, mas quero lhes dizer que muitos cristãos ainda não aprenderam:
a) Há pessoas que vêm à Igreja, mas que ainda não aprenderam;
b) Há pessoas que louvam ao Senhor com seus lábios, que ainda não aprenderam.
c) Há pessoas com dons especiais, que ainda não aprenderam;
d) Há cristãos há mais de 30 anos, que ainda não aprenderam
e) Há pregadores, que até pregam sobre isso, mas que ainda não aprenderam;
f) Há pastores de igrejas lindas, que ainda não aprenderam.
- Dessa forma, é oportuno estarmos atentos à breve reflexão sobre este importante tema. Para que ouçamos e aprendamos; para que aprendamos e cumpramos.

DESENVOLVIMENTO:
- O versículo que lemos, em João 13.15, está contextualizado numa das passagens mais belas, emocionantes e intrigantes histórias da Bíblia: o episódio em que Jesus lavou os pés dos seus discípulos.
- Esse acontecimento inesperado foi registrado somente pelo apóstolo João, e nos faz refletir sobre a essência da vida cristã.
- Para entendermos o contexto, precisamos ler os evangelhos sinóticos (Mateus, Marcos e Lucas), que relatam os preparativos para a Última Ceia.
- Jesus e seus discípulos estavam fora da cidade de Jerusalém (Lc 22.10 “quando entrares na cidade”), cidade na qual Pedro e João haviam preparado a Ceia, por ordem do Senhor.
- Ou seja, para chegar ao local da Ceia, Jesus e seus discípulos tiveram que transpor, à pé, a distância de aproximadamente 1.000 metros (ver At 1.12 – “distância do caminho de um sábado”).
- Apesar da curta distância, devido ao solo empoeirado e as sandálias que usavam, provavelmente sujaram os pés; era costume que o servo lavasse os pés dos hóspedes, mas ali não havia servo.
- Dizem os estudiosos que lavar os pés era uma tarefa árdua, deixada para os escravos mais simples.
- Mateus e Lucas nos contam que houve uma contenda (uma discussão) entre os discípulos sobre qual deles seria o maior.
# Estou conjecturando. Talvez essa discussão tenha tido início quando deliberavam qual deles iria realizar o trabalho duro e humilhante de lavar os pés dos outros.
- É nesse contexto que João nos diz que Jesus, levantando-se da Ceia, tirou as suas vestes e, tomando uma toalha, cingiu-se e passou a lavar os pés dos discípulos.
- E, sem dizer palavras, o mais sábio de todos os seres nos ensina quatro lições a respeito da verdadeira essência da vida cristã:

1) A ESSÊNCIA DA VIDA CRISTÃ É O SERVIÇO
- Diz o ditado: “quem não vive para servir, não serve para viver”.
- Eu faço uma pequena alteração no ditado e monto outro que diz: “crente que não serve, não serve”.
- Ao tomar a bacia e a toalha, e ao iniciar seu trabalho, Jesus nos ensina que precisamos trabalhar, precisamos servir uns aos outros.
- Jesus nos ensina que não há trabalho, na casa do Senhor, que seja indigno ou de menor relevância. Ministério do Rodo.
- Jesus nos ensina que ninguém é muito grande que não possa realizar uma tarefa singela.
- De acordo com Myer Pearlman, dessa forma Jesus “tira as desculpas de qualquer discípulo que imagina ser importante demais para fazer qualquer serviço”.
- Não foi essa a intenção de Cristo, mas ao ver a discussão dos discípulos sobre qual deles faria aquele trabalho, é como se dissesse: “deixe que eu mesmo faço!”
- Essa mesma questão já havia ocorrido na casa de Simão, em que não haviam lavado os pés de Cristo, e uma prostituta o fez com as suas lágrimas.
- A essência da vida cristã é o serviço. Vocês estão a postos? Vocês estão dispostos?
- Muitos querem pregar nos grandes eventos, nos púlpitos da fama, mas quantos estão dispostos a fazer o trabalho “invisível”, que os homens não aplaudem, como: - A oração pelas madrugadas; A pregação nas praças públicas; - A visita aos presídios e hospitais.
- A lógica secular diz que o maior é aquele que é servido; a lógica de Cristo diz que “o maior de vós seja como o menor, e quem governa, como quem serve” (Lc 22.26).
- Cristo espera isso de nós!

2) A ESSÊNCIA DA VIDA CRISTÃ É O SACRIFÍCIO
- Jesus estava prestes a realizar o maior de todos os sacrifícios: dar a sua própria vida por amor à humanidade.
- No dia seguinte, àquela mesma hora, ele estaria envolvido num lençol e colocado no túmulo de José de Arimatéia.
- Ao realizar o penoso trabalho, Jesus nos ensina que a vida cristã também é feita de sacrifício.
- Está sendo pregado em nossos púlpitos um Evangelho fácil, de vitória, de prosperidade, de fama. Nossos pregadores são pop stars, nossos cantores são aclamados como astros. Muito glamour!
- Quero lhes dizer, na contramão dessa história, que a essência da vida cristã é sacrifício.
- Uma vida de renúncias, de obediência, de discriminações, de esforços, de batalhas espirituais, mas que leva à vida eterna.
# O Evangelho não é estrada pavimentada que leva a um lugar terrível, mas estrada pedregosa que leva a um lugar maravilhoso.

3) A ESSÊNCIA DA VIDA CRISTÃ É A HUMILDADE
- Jesus, o Deus Conosco, majestoso em poder, tomou o lugar do mais humilde de todos os servos.
- Ali Jesus ajoelhou-se aos pés daqueles homens.
# Fico pensando a grandeza de Cristo, onisciente, ao lavar os pés daquele que, daí a poucas horas, o entregaria à morte.
- Os homens naturais têm alguns questionamentos: “Quem eu sou?”, “De onde vim?”; “Para onde vou?”.
- Diferentemente Jesus não tinha qualquer dúvida. De acordo com Jo 13.3, Jesus sabia perfeitamente quem era, de onde havia vindo e para onde iria...
# Orlando Boyer diz que homens pequenos que querem se fazer grandes não podem se abaixar; mas homens grandes de verdade não tem problemas em se abaixarem.
- Segundo relato de Cristo, João Batista é o maior de todos os homens nascidos de mulher; e João Batista foi um dos maiores exemplos de humildade da Bíblia.
- Em Provérbios está escrito “que a humildade precede a honra”.
# Conta-se que muitos querem ser grandes porque pensam que, no armário de Deus, os maiores presentes estão nas prateleiras mais altas; mas na verdade, os maiores presentes estão nas prateleiras de baixo, onde só temos acesso de joelhos.

4 – A ESSÊNCIA DA VIDA CRISTÃ É O AMOR
- João nos conta, ao iniciar essa narrativa, em Jo 13.1, que Jesus “amou-os até o fim”.
- Orlando Boyer, em sua obra “Espada Cortante”, diz que “amou-os até o fim” pode ser interpretado como “amou-os no mais alto grau”.
- O Evangelho está centrado no amor.
- No amor de Deus para com os homens, ao entregar seu Filho Unigênito para que fôssemos salvos por Ele (Jo 3.16); no amor dos crentes por Deus (o 1º mandamento); e – finalmente – no amor dos crentes pela humanidade.
- Questionado sobre qual seria o maior mandamento Jesus disse: “Amarás a Deus sobre todas as coisas, e a teu próximo como a ti mesmo”, e completou dizendo “todas as demais derivam dessas”.
- Jesus deixou apenas um novo mandamento, e este foi “Amai-vos uns aos outros como eu vos amei”
- Paulo ensina que permanecem três coisas: a fé, a esperança e o amor, mas a maior delas é o amor.

CONCLUSÃO
- Jesus nos deu a lição, Ele nos deu o exemplo. E, de acordo com o vv 15, Ele espera que façamos o mesmo.
- Você está disposto a ter uma vida cristã de serviço, sacrifício, humildade e amor?

CONVITE
- Se está, coloque a sua mão no coração, que eu vou orar por você!

TEXTOSBÍBLICOS 001 - JOÃO 14.6


AGENDA DO PREGADOR - AG 30 - ASS DEUS SANTA MARIA / DF

Atendendo a convite que lhe foi formulado pelo irmão Paulo, líder dos Jovens da Igreja Local, o Pastor Carlos Valente estará pregando a Poderosa Palavra de Deus no Congresso de Jovens e Adolescentes da Assembleia de Deus de Santa Maria no próximo dia 16 de novembro, às 19 horas. Deus abençoe!

AGENDA DO PREGADOR - AG 29 - ASS DEUS CEILÂNDIA / DF

Atendendo a convite que lhe foi formulado pelo Pastor William Lopes Sobrinho, o pregador Carlos Valente estará ministrando a preciosíssima Palavra de Deus na Assembleia de Deus de Ceilândia / DF no próximo dia 15 de novembro, às 19h30. Será no lançamento do CD de um dos jovens daquela Igreja. Vai ser bênção demais!!

quarta-feira, 8 de outubro de 2014

AGENDA DO PREGADOR - AG 28 - ADAC ÁGUAS CLARAS / DF

Atendendo a convite que lhe foi formulado pelo Evangelista Clenírio Guimarães, dirigente da Campanha, o Pregador Carlos Valente estará ministrando a Palavra de Deus na Campanha "Quartas com o Espírito Santo" nesta quarta-feira, dia 08 de outubro, as 20 horas. Na ADAC - Assembleia de Deus de Águas Claras. Quem tem sede venha.

domingo, 5 de outubro de 2014

AGENDA DO PREGADOR - AG 27 - ADAC ASS DEUS ÁGUAS CLARAS / DF

Atendendo a convite que lhe foi formulado pelo Pastor Ronaldo Batista da Silva, o Pregador Carlos Valente estará ministrando a Preciosíssima Palavra de Deus neste dia 05/10 no Culto dominical da Assembleia de Deus de Águas Claras / DF.
O Culto tem início às 19 horas. Você é nosso convidado especial.

MENSAGEM 13: PELA GRAÇA SOIS SALVOS

PELA GRAÇA SOIS SALVOS

Texto Base: Mt 19.16 – “E eis que, aproximando-se dele um jovem, disse-lhe: Bom Mestre, que bem farei, para conseguir a vida eterna?”

TESE:
- É fato que, de acordo com a Biologia, o homem nasce, cresce, reproduz-se e morre:
            - Há festa quando o homem nasce
            - Há comemorações quando o homem cresce
            - Há alegria quando o homem reproduz-se
            - Mas, quando o homem morre, há tristeza
- Quando alguém morre, há uma ruptura com o mundo dos viventes, há uma separação, e geralmente fica, para os vivos, uma dor e uma saudade.
- Por isso, a morte é – e sempre foi – um dos principais temas de discussão (e preocupação) da humanidade.
- É certo que, se Jesus não voltar antes, todos nós que estamos aqui mais cedo ou mais tarde enfrentaremos a morte.
- Assim foi c/ Adão, assim foi c/ os Patriarcas Bíblicos (à exceção de Enoque e de Elias), assim foi com as nossas antigas gerações.
- A morte é democrática: o rico e o pobre; homem e mulher; negro e branco; doutor e analfabeto; idoso e criança; todos morrem.
# O que uma pessoa que está à beira da morte daria por mais alguns anos de vida? Quanto estaria disposto a pagar? O que estaria disposto a fazer?
- Não por acaso as palavras de Cristo ecoam fortemente nos quatro cantos da terra; não por acaso atraem multidões; não por acaso não saem nunca da moda: são as palavras da vida eterna!
- Nenhum outro líder, em todos os tempos, jamais nos trouxe essa vívida mensagem: de que seria possível vencer a morte e viver eternamente.
- Só Jesus Cristo tem as palavras de vida eterna (declaração de Pedro). Portanto, para onde iremos nós?
- Essa é a principal mensagem de Cristo, confirmada pessoalmente, por sua própria ressurreição.
# Dizem que o sol é forte...
# O túmulo de Cristo: “ele não está aqui, mas ressuscitou”!

DESENVOLVIMENTO:
1) UM JOVEM E UM QUESTIONAMENTO
- No versículo que lemos ao introduzir este Sermão, vemos um jovem rico, um príncipe, mancebo de qualidade, que se aproxima de Cristo, e, em seu coração, uma ansiedade pela Vida Eterna.
- Diferentemente de Bartimeu, do leproso e da mulher do fluxo de sangue, ele não estava enfermo, e não precisava de uma cura; diferentemente da mulher Cananéia e do centurião Jairo, ele não estava aflito por um membro da sua família; diferentemente do gadareno, ele não estava endemoniado e precisava de libertação...
- Aquele jovem precisava de uma RESPOSTA.
# muitas vezes chegamos à presença de Cristo precisando somente de uma resposta!
- Mas aquele jovem aproximou-se de Cristo e perguntou-lhe: “Bom Mestre, que bem farei para conseguir a vida eterna?”
# Quantos homens e mulheres tem em si o mesmo desejo, a mesma ansiedade, e as mesmas dúvidas daquele jovem. Querem a Vida Eterna, mas não sabem como atingi-la, adquiri-la.
- Aquele jovem tinha um entendimento equivocado a respeito da obtenção da Vida Eterna:
- Que bem: ele entendia que ao ser generoso, ao fazer o bem, ao fugir do pecado, teria acesso à Vida Eterna. Muitas religiões pensam como ele...
- Farei: 1ª pessoa do singular, vincula-se ao pronome pessoal do caso reto “EU”; ele entendia que o acesso à Vida Eterna dependeria do seu próprio esforço
- Para conseguir: Ele entendia que a Vida Eterna era um alvo a ser atingido, algo a ser conquistado, conseguido.

2) A VIDA ETERNA NOS É DADA PELA GRAÇA
- Pobre jovem rico! Não há o que possa ser feito humanamente para herdar a Vida Eterna.
- Não há bem, ou caridade, ou generosidade, ou mesmo sacrifício, que tenha o poder de lhe dar a Vida Eterna.
- Não há como o homem natural atingir, conquistar, merecer, conseguir a Vida Eterna.
- Não há herói, ou guerreiro, ou valente, ou sábio, ou beato, ou mestre que a atinja por suas próprias forças.
- A Salvação é pela GRAÇA.
- Efésios 2.8,9 – Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isso não vem de vós; é dom de Deus. Não vem das obras, para que ninguém se glorie.
- Rm 3.24 – Sendo justificados gratuitamente por sua graça, pela redenção que há em Cristo Jesus.
- A Graça é paradoxal:
- É impossível de se conquistar, mas é doada;
- Não há dinheiro no mundo que a pague... e é de graça...
- Ninguém pode atingir, mas está à disposição de todos;


- Não só a Vida Eterna; mas tudo o que temos, tudo o que fazemos, tudo o que somos é pela Graça. Se nascemos, se vivemos, se acordamos hoje, é pela Graça.
- Graça vem do grego “charis”, e significa favor; Graça é mercê; Graça é presente; Graça é um dom gratuito de Deus.

Questionamento:
- Se a Vida Eterna é pela Graça, então posso fazer tudo errado, pecar? Não! Por causa da mesma Graça (Rm 6.14) – “Porque o pecado não terá domínio sobre vós, pois não estais debaixo da lei, mas debaixo da graça”.
- Não devo pecar, não p/ ser salvo; não devo pecar, pque sou salvo.

3) A INESTIMÁVEL GRAÇA DE DEUS
- Muitos não compreendem a abrangência, o tamanho, a altura e a profundidade da Graça de Deus. A Graça é um atributo de Deus.
- A Graça de Deus é maior que o mundo. A Graça é surpreendente.
- Nós não merecemos, mas Deus, pela sua imensa Graça, nos dá.
- Plantamos a semente, mas a árvore cresce pela Graça. “Eu plantei, Apolo regou, mas Deus deu o crescimento”.
- Estudamos para o concurso, mas somos aprovados pela Graça.
- Fazemos todo esforço, mas a vitória é unicamente pela Graça.
- Pv 21.31 - “O cavalo prepara-se para o dia da batalha, mas do Senhor vem a vitória”.
- Vigiamos, oramos, mas o livramento é pela Graça. Sl 127.1 b - “...se o Senhor não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela”

4) JESUS, A MÁXIMA EXPRESSÃO DA GRAÇA DE DEUS
- A criação do mundo, é uma expressão da Graça de Deus;
- A feitura do homem, é uma expressão da Graça de Deus;
- A salvação da raça humana, através de Noé, durante o Dilúvio, é uma expressão da Graça de Deus;
- Mas a maior, a mais completa, a mais profunda, a máxima expressão da Graça de Deus está em Jesus Cristo. (Jo 3.16). Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu Filho...
- Jo 15.13 – “Ninguém tem amor maior que este: de dar alguém a sua vida pelos seus amigos”. Isso é a expressão máxima da Graça.
- Hino 205 da HC: “Graça, Graça, a mim basta a Graça de Deus, Jesus; Graça, Graça, a Graça eu achei em Jesus”

CONCLUSÃO
- Voltemos ao jovem rico e o seu profundo questionamento: “Que bem farei para conseguir a vida eterna?”
- Ao leitor despercebido, parecerá que Jesus Cristo não respondeu ao seu questionamento.
- Ledo engano! A resposta foi-lhe dada! No versículo 21, parte b, está escrito: “e vem e segue-me”.
- Essa é a pergunta: “Que bem farei para conseguir a vida eterna?” Essa é a resposta: “Vem e segue-me”.
- É como se Jesus falasse: “Você quer a vida eterna? Então venha comigo, me siga, pois eu sei o caminho; eu sou o caminho”...
- Não tem como chegar à Vida Eterna a não ser que seja por intermédio da Graça de Deus, Jesus.

CONVITE
- Você que nesta noite ouviu esta Palavra, e entendeu que, fora da Graça de Deus, não há vida, e que a Graça de Deus está em Jesus, venha aqui recebê-lo.